[RP FECH] Shoot to Kill

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Seg Jul 18, 2016 1:03 am

SHOOT TO KILL


Esta RP é fechada apenas para os usuários Lenore B. Weiss e Amber M. Loveridge. É uma tarde de quinta-feira, e o sol brilha do lado de fora, junto ao vento frio. Essa RP está em andamento.



Última edição por Amber M. Loveridge em Qui Jul 21, 2016 2:30 am, editado 2 vez(es)
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Seg Jul 18, 2016 1:18 am

"you are

the universe"
Amber observou o relógio na tela do seu computador e soltou um suspiro derrotado. Suas mãos foram ao rosto e a garota as esfregou, soltando um grunhido cansado. O sol adentrava seu quarto o esquentando, e as janelas abertas deixavam que a suave brisa do verão envolvesse sua pele em leves calafrios

A verdade, era que Amber não queria ficar ali. Todas aquelas planilhas do seu estágio a privava de todo o mundo que estava acontecendo ali fora. A garota colocou o computador ao seu lado da cama e se esticou até sua mesa de cabeceira, onde abriu a primeira gaveta e pegou sua caixa de metal azul escura. Um sorriso se abriu em seu rosto e ela voltou a sentar na cama, suas pernas se cruzando em baixo de seu corpo. Amber abriu a caixa para, no fim das contas, perder seu sorriso.

A verdade era que a loira não era mais uma drogada como muitos pensavam. O uso da erva vinha de vários anos, desde que começou a ir no psiquiatra em seu país natal: Grécia. O uso não vinha por problemas de família, muito menos por problemas de vida. No entanto, a garota se encontrou com crises crônicas de ansiedade desde os seus nove anos de idade e, entre remédios farmacêuticos e chás que sua mãe tentava fazer para a garota melhorar, a única solução tinha sido a maconha.

Outro suspiro derrotado. Seu coração bateu forte contra seu peito, o pensamento que talvez ela não fosse concluir o trabalho a deixando a beira da loucura. Seu peito contraiu e a menina sabia que só tinha uma saída: visitar sua mais nova médica.

*

Amber olhou para a grande porta, se sentindo um pouco derrotada. Apesar de tudo, ela não gostava de ir ao médico, e muito menos gostava de pedir mais de suas receitas. Mas, desde que um policial tinha cismado com a garota, ela não tinha escolha a não ser pedir mais cópias da receita, que acabavam sendo levadas pelo mesmo. Sua mão foi a porta, dando leves batidas e recuou levemente um passo para trás, esperando que a médica estivesse de folga hoje.

and you are oh, darling, so beautiful



we are shapped by our thoughts and then, we become what we think
be kind to all creatures, that's the religion
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Lenore B. Weiss em Seg Jul 18, 2016 1:43 am

(RP) Amber
Moço da pizza
Lenore estava em repouso depois de um longo dia atendendo vários alunos da universidade em seu escritório, e ainda teve que tomar conta da administração do hospital pelo fato que Dorothy havia faltado. Um dia que tinha tudo para ser calmo tornou-se exaustivo ao extremo. Os únicos planos da mulher para o resto da tarde era terminar de assistir seu filme, pedir uma pizza e comer até não aguentar mais, mesmo seguindo uma dieta rigorosa, ela merecia uma recompensa.
— Olá, eu gostaria de duas pizzas, uma portuguesa com borda de catupiry e outra doce, no caso, essa que estou vendo no folheto da promoção, é a Romeu e Julieta. — Lenore finalizou a ligação entregando os seus dados, como número de telefone e endereço.
Preciso me trocar, não seria nada interessante aparecer na porta de lingerie vermelha.
Correndo pela casa descalça, ela vai novamente até seu quarto e pega um roupão branco, vestindo-o. No entanto, enquanto o vestia, pôde ouvir o som de batidas em sua porta.
Não pode ser, eu desliguei o telefone não faz nem um minuto!
Passando pela cozinha e chegando até a sala, Lenore olha no visor que ficava perto do interfone e reconhece a pessoa, Amber, uma de suas pacientes. No instante em que destrancava a porta da sala, ela retirou o laço que tinha dado no roupão, deixando seu corpo, quase que seminu, totalmente visível.
— Olha, eu acabei de pedir pizza, você gosta? — perguntou Lenore, abrindo mais a porta, dando visão para Amber da casa, assim como de seu corpo. — Se não gosta, vai passar a gostar! Pode entrar. — Finalizou.


Última edição por Lenore B. Weiss em Seg Jul 18, 2016 2:49 am, editado 1 vez(es)


 

Waving Goodbye

So one hand is holding your body
The other is waving goodbye
I love you, but it's your turn to cry
avatar
Lenore B. Weiss
médicos

médicos

Mensagens : 126
Data de inscrição : 08/07/2016
Idade : 31
Localização : Burkittsville

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Seg Jul 18, 2016 2:08 am

"you are

the universe"
Os olhos da garota vagavam pela imensidão da casa, seu cérebro trabalhando com a arquitetura do que, um dia, talvez chegasse a ser o seu hotel. Porém, seus devaneios não se prologaram muito, já que não demorou muito para que a mais velha abrisse a porta. Amber abriu um sorriso para a morena, seus olhos viajando pelo seu corpo, uma expressão de surpresa tomou conta de si. Ela nunca antes tinha visto sua médica daquele jeito, muito menos tinha ido em sua casa. Por um lado, a garota não achava aquilo estranho. Da pequena vila de onde vinha, as coisas eram muito abertas, e vergonha não era uma coisa que realmente existia em seu vocabulário.

-Bem... Eu... -Antes que a menina pudesse terminar a frase, Lenore a convidou para entrar, falando algo sobre a pizza. Amber lhe ofereceu um sorriso e retirou a bolsa, a colocando no pendurador ao lado da porta. -Bem, eu sou vegana, mas não se preocupe comigo, sério. No final das contas, eu não vim para isso.

Suas mãos foram ao cabelo, desfazendo o coque e deixando que ele caísse até a parte baixa de suas costas. Seus olhos divagaram pelo recinto claro. As janelas eram grandes, e o lugar era espaçoso, muito diferente do seu quarto na faculdade. "Uma casa enorme para duas pessoas..." O pensamento de Amber corria a várias palavras por minuto sobre como não precisavam de tudo aquilo, mas ela sabia como o mundo funcionava. A garota apoiou a bunda no encosto do sofá, olhando mais uma vez para Lenore.

-Você tem uma casa muito bonita. -Ao perceber o silêncio no local, olhou mais uma vez em volta e apoiou as mãos ao seu lado. -Giovanni não está em casa? Vi ele saindo mais cedo da faculdade hoje...

Seu filho fazia parte dos solitários da faculdade, mas, mesmo assim, não deixava de ser um amor de pessoa. Antes que Amber pudesse voltar a pensar demais, seus olhos caíram mais uma vez no corpo da morena e seus lábios foram umedecidos pela própria língua, seus olhos voltando para o rosto da mais velha. O sorriso era pequeno em seu rosto, mas estava ali. Ela esperava que aquilo fosse um pouco mais estranho, que se sentisse um pouco mais deslocada, mas não conseguia. Era do seu feitio ser uma pessoa tranquila e que não levava as coisas com uma seriedade fora do normal.

and you are oh, darling, so beautiful



we are shapped by our thoughts and then, we become what we think
be kind to all creatures, that's the religion
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Lenore B. Weiss em Seg Jul 18, 2016 2:36 am

(RP) Amber
Moço da pizza
Aquela cena poderia ter dois significados; ou Lenore estava realmente provocando, ou estava apenas curtindo a liberdade. Porém, em momento algum, seja com ações, gestos ou até mesmo palavras, ela provocou sua visita. Apenas vestia uma roupa chamativa — e bastante confortável —, mas bem diferente do que Amber estava acostumada em suas sessões, visto que Lenore na maioria dos dias vestia-se formalmente.
— Meu Deus, como fui cabeça dura. Você já havia me contado que era vegana. Caso queira, eu tenho vários cardápios de lanchonetes, restaurantes e derivados da redondeza, posso pedir sem problemas algo para você comer. — Em uma de suas muitas sessões, Amber havia comentado sobre origem, e nisso, citou que fazia parte do veganismo, um movimento de pessoas que são contra a exploração dos animais.
Mesmo de costas para Amber, ela notou que estava sendo encarada, vendo pelo reflexo da televisão. No mesmo instante, mordeu seu lábio inferior tão forte, que sangrou. Para disfarçar, ainda continuou de costas.
— É bonita, mas é tão vazia, mesmo sendo tão cheia. — Lenore usou sua mão esquerda para jogar seu cabelo por cima do ombro, consequentemente, cobrindo seu peito.
— Giovanni está na casa de um amigo estudando, pelo menos foi o que ele me disse. — A essa altura, seu lábio já tinha parado de sangrar, então ela virou para Amber, cruzou os braços e sorriu. — E o que te traz aqui, Amber? — Lenore já tinha uma noção básica do que a adolescente queria, mas precisava ouvir a resposta para se contentar.


 

Waving Goodbye

So one hand is holding your body
The other is waving goodbye
I love you, but it's your turn to cry
avatar
Lenore B. Weiss
médicos

médicos

Mensagens : 126
Data de inscrição : 08/07/2016
Idade : 31
Localização : Burkittsville

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Seg Jul 18, 2016 2:58 am

"you are

the universe"
A garota pegou no fio de seu macaquinho, brincando com ele enquanto ouvia os comentários de Lenore. Seus olhos encontraram suas mãos e ela assentiu calmamente. Aquilo chegava a ser triste. Uma casa tão grande, mas ao mesmo tempo tão solitária. Ela só via a necessidade de uma casa desse tamanho com uma família grande: crianças correndo de um lado para o outro, cachorros latindo e correndo atrás de uma mesma bolinha. Um sorriso se estampou em seu rosto, um sorriso calmo e gentil.

-Realmente não precisa, Lenore. Você não sabia que eu vinha, eu que acabei interrompendo seu horário de descanso, o que eu peço desculpas desde já. -A mais velha ficar de costas preocupou levemente Amber, mas pelo reflexo da TV, pode ver que estava tudo bem com ela. -Mas uma casa desse tamanho pelo menos pode ter várias visitas.

Uma das manias da mais nova era sempre ver algo de bom no meio de todo o caos que o mundo estava vivendo. De acordo com seus amigos, aquilo podia ser uma pouco chato, mas de acordo com outros, as vezes era o que salvava o dia.

Seus olhos encontraram os de Lenore mais uma vez, logo descendo para sua boca que estava levemente vermelha. Amber soltou o cordão e desencostou da mobília, ficando de pé no mesmo lugar que estava. A loira puxou o cabelo para o lado, o passando por cima do ombros e brincando levemente com suas pontas. O mesmo sorriso permanecia em seus lábios.

-Bem, aquele policial me parou de novo, e você disse para se isso acontecesse eu passar aqui para pegar outra receita, então... -Ao ver o semblante no rosto da morena, Amber arregalou levemente os olhos, levantando as mãos em sua defesa. -Mas, eu sei que é seu dia de folga, então se não for um bom momento, eu posso deixar você e a pizza em paz.

Uma risada saiu de seus lábios, dessa vez um pouco sem graça. Foi aí que a mais nova percebeu que ela provavelmente nem estava com seu carimbo, muito menos com as folhas de receita que ela geralmente entregava. O pensamento fez seu coração palpitar mais uma vez, a ansiedade tomando conta de seus membros aos poucos.

and you are oh, darling, so beautiful



we are shapped by our thoughts and then, we become what we think
be kind to all creatures, that's the religion
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Lenore B. Weiss em Seg Jul 18, 2016 3:45 am

(RP) Amber
Moço da pizza
— Como se você me atrapalhasse, Amber. Pelo contrário, apenas levantou meu ânimo, que estava até então enterrado junto comigo na cama. Eu trabalhei demais ontem, cheguei em casa tarde, não comi nada, apenas tomei banho e entrei em estado vegetativo. — Ela descruzou os braços e se aproximou de sua companheira. — Eu não gosto de receber muitas pessoas aqui, não que eu seja antissocial, mas prefiro ser mais reservada. Só entra na minha casa quem me interessa. — Assim que terminou de falar, Lenore deu uma piscada para Amber, abrindo um imenso sorriso para ela.
Como esperado, todos que a procuravam queriam alguma coisa, alguns queriam apenas conversar, mesmo não estando em sessão, outros queriam conselhos, tanto como amorosos, como também para decisões importantes. Ela já estava acostumada com isso, e deixou de ligar há muito tempo.
— Entendo. Ele ainda continua te atormentando? Será que eu serei obrigada a reportar para o xerife? Enfim... Para sua sorte, ontem, antes de ir embora, eu preenchi algumas receitas exclusivamente para você, e as trouxe comigo, pois coloquei em minha bolsa. — Lenore foi em direção a Amber, segurou seu rosto com as duas mãos e lhe deu um beijo no canto da boca. — Em breve a pizza irá chegar, mas estou com vontade de saborear outra coisa. — Suas mãos ficaram no rosto da adolescente por alguns segundos, até que ela passou do seu lado e deitou no sofá, deixando seu corpo visivelmente amostra.


 

Waving Goodbye

So one hand is holding your body
The other is waving goodbye
I love you, but it's your turn to cry
avatar
Lenore B. Weiss
médicos

médicos

Mensagens : 126
Data de inscrição : 08/07/2016
Idade : 31
Localização : Burkittsville

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Seg Jul 18, 2016 4:25 pm

"you are

the universe"
A verdade era que Amber tinha um pouco de pena da vida que qualquer médico levava. Eles doavam suas vidas para salvar a de outras pessoas e, apesar de achar isso lindo, não sabia como eles lidavam tão bem com a pressa que eles tinham que ter. Sua aproximação fez com que Amber lhe oferecesse um leve sorriso.

-É uma pena que esteja se sentindo assim. Não acho que ninguém deveria se sentir tão exausto. -Amber jogou o cabelo para trás e voltou a se encostar no encosto do sofá. -Não faz bem para a alma nem para o corpo.

Amber levou a mão á boca e empurrou o lábio superior com o dedo para o meio de seus dentes, puxando a pele que tinha ali. Era uma mania da garota que depois do uso das ervas medicinais melhorou muito. Alguns anos atrás, ela chegava, inclusive, a abrir o lábio de tanto que puxava a própria pele. Ela podia lembrar como se fosse hoje o gosto de ferro que costumava viver em suas papilas. Amber deu de ombros, soltando um suspiro cansado.

-Não precisa. Acho que ele só está fazendo o seu trabalho no fim das contas. -Ela sabia que aquilo não era verdade. Adolescentes faziam uso de drogas muito piores que a maconha e nunca tinham um policial a seus pés. Negou levemente com a cabeça, voltando a colocar o sorriso no rosto. -Logo ele deve parar com isso. Devem ser ordens do próprio xerife.

A garota só tirou a mão da boca quando Lenore levou as suas próprias ao rosto da mais nova. O beijo deixou um canto quente em seu rosto, a mais nova levantando um meio sorriso. Amber olhou para os passos que a mais velha dava com cuidado, observando seus movimentos de cima a baixo. A loira deu a volta no sofá fofo e deixou que as pontas dos seus dedos corressem desde o tornozelo da morena até o alto de sua cintura, onde os mesmos seguraram no fio da langerie vermelha e o puxavam levemente, logo o soltando.

-Saborear outras coisas? Não sei se entendi direito a referência. -O rosto da loira não se passava nada mais do que a pura inocência, mas o timbre em sua voz não era o mesmo. Amber apoiou um joelho na ponta do sofá e passou o outro para o outro lado, suas pernas prendendo Lenore em baixo de si. -Você não quer me explicar?

and you are oh, darling, so beautiful



we are shapped by our thoughts and then, we become what we think
be kind to all creatures, that's the religion
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Lenore B. Weiss em Qui Jul 21, 2016 12:40 am

(RP) Amber
Moço da pizza
Lenore não estava em um de seus melhores dias, totalmente sobrecarregada com o estresse do trabalho. Esta encheu-se de remédios, e estava quase chegando a hora de tomar outra pírola de calmante, que pegou no hospital. No entanto, a visita inusitada de Amber a fez esquecer completamente, ou pelo menos ignorar o relógio — um costume para ela —, fazendo vista grossa.
Enquanto deitada no sofá, lá longe, em seu quarto, Lenore pôde ouvir o suave toque do seu celular. Não... Não pode ser ninguém do hospital, eu disse que ficaria de folga hoje. Se este fosse realmente o motivo dele estar tocando, a única pessoa com poder suficiente para perturbá-la naquele momento era Dorothy, sua chefe.
— Olha, meu celular está tocando! — Antes que Lenore pudesse levantar-se para atender o celular, Amber decide agir, puxando o fio que segurava sua calcinha, soltando-o. De imediato, duas possíveis ações surgiram na mente da doutora; desligar-se do mundo lá fora por um dia, ou dispensar Amber de uma forma educada. Enquanto isso, a adolescente estava se divertindo com a ironia, apoiando seus joelhos no sofá, prendendo Lenore por de baixo.
— Por mais que eu esteja adorando tudo isso, e olha, realmente eu estou adorando tudo isso, não posso continuar por alguns motivos. — Amber era um doce de pessoa, por sua criação, por seus costumes e tudo mais. Ela não poderia aproveitar-se da boa inocência da moça, então decidiu recusar o breve momento de prazer que teria em alguns instantes. — Você é uma pessoa fantástica, mas o que eu tive aqui, o que eu pensei em fazer contigo, foi uma recaída. Ademais, eu não acho certo isso, você tem idade para ser minha filha. — Assim que terminou de falar, Lenore arrastou-se para trás no sofá, fechando seu roupão e indo em direção do celular, que estava vibrando constantemente.
''Sei que hoje é o seu dia de folga, mas aqui está uma loucura sem você. Além disso, Aileen já chegou. Ela precisa muito de você, Lenore. Venha o quanto antes''. Como esperado, Dorothy.
— Infelizmente eu tenho que sair. Como havia imaginado, era uma mensagem do hospital. Preciso voltar para lá. — murmurava Lenore parada à frente de Amber com o celular em mãos. — As receitas, como eu disse, estão na minha bolsa que está em algum lugar pela casa, esqueci em qual lugar a deixei, então boa caça aos tesouros!
Sem demora, ao terminar de explicar para Amber sobre as receitas, ela volta para o quarto e pega a primeira roupa que vê pela frente, trocando-se com a porta aberta, sem imaginar que a adolescente poderia aparecer na hora H.
— Sinta-se à vontade para vasculhar pela casa. Quando encontrar, pegue o que precise e deixe a bolsa no sofá, ela vive sumindo. — disse Lenore em direção da porta. — Tenho cópias das chaves também dentro dessa bolsa, pegue-as e tranque a casa para mim. Quando tiver um tempo, passe lá no hospital e as entregue na recepção. — Sua pressa falou mais alto que qualquer coisa naquele instante, entrando no carro e partindo em rumo ao hospital.


 

Waving Goodbye

So one hand is holding your body
The other is waving goodbye
I love you, but it's your turn to cry
avatar
Lenore B. Weiss
médicos

médicos

Mensagens : 126
Data de inscrição : 08/07/2016
Idade : 31
Localização : Burkittsville

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Amber M. Loveridge em Qui Jul 21, 2016 2:54 am

"you are

the universe"
O bobo sorriso na face de Amber se desfez no momento em que a loira se sentou na mais velha, e a mesma se quer deu um sorriso. O clima, de uma hora para outra, tinha passado de uma coisa leve, tranquila e gostosa para algo que parecia ser errado. A mais nova colocou uma mecha de cabelo que caía em sua face para trás de sua orelha, o prendendo ali. Ela não entendia o que tinha acontecido com Lenore para, em questão de segundos, mudar sua opinião do que queria. Ao se atentar ao toque do celular, a mais nova desceu o corpo pelas pernas da morena, e um fraco sorriso tomou conta do seu rosto.

-Certo... -Amber observou Lenore sair da sala e deu um suspiro, apoiando o braço no encosto do sofá. Uma recaída? Idade? Ela não acreditava nisso. De onde ela tinha vindo, aquele tipo de coisa não existia. As pernas foram para debaixo de sua bunda e a mais nova olhou mais uma vez para a morena que voltava a aparecer no cômodo. -Ok. Você tem que salvar vidas, não é mesmo?

Amber ofereceu um sorriso para Lenore que ela não queria realmente dar. Ela se sentia estranha, o que era todo aquele papo que ela tinha começado a falar? Amber acreditava que se dois corpos se quisessem, não tinha problema nenhum com aquilo, por tanto que fosse consensual o que, claramente ali não era. Amber pegou seus longos cabelos nas mãos enquanto Lenore lhe dava alguns passos para serem seguidos, e prendeu os fios em um coque mais uma vez. Amber pensou em ir até a porta do seu quarto e lhe perguntar o que tinha acontecido, mas depois de ouvir sobre ter que voltar para o hospital, achou melhor não interromper a mais velha.

-Eu me viro, não devem estar muito difíceis de serem encontradas. E obrigada mais uma vez, Doutora. -E então, Lenore saiu correndo porta a fora até o seu carro. Amber fechou a porta atrás de si e olhou em volta. -Ok, se eu fosse uma bolsa com receitas e chaves, onde eu estaria?

Ela não estava realmente falando com ninguém, mas aquilo a ajudava a pensar melhor. Amber foi até o cabideiro onde deixou a própria bolsa e pegou a primeira grande e preta que viu, a apoiou na mesa e olhou dentro dos compartimentos. Nada. Fechou a mesma e colocou de volta em seu devido lugar, logo passando para uma verde com o que se assemelhava ser um couro de cobra. Os olhos de Amber se arregalaram e ela pegou na bolsa com a ponta dos dedos, a colocando em cima da mesma mesa e a procurando por dentro. A feição em seu rosto era de nojo, e assim que sentiu a ponta dos papéis e o barulho das chaves, segurou nos objetos como se sua vida dependesse daquilo e tirou a mão o mais rápido possível de dentro do acessório.

Amber olhou para as folhas verdes em suas mãos, um alívio tomando conta de seu corpo. Enquanto lia as receitas, a campainha tocou, chamando a atenção da mais nova. Não podia ser Lenore, uma hora dessas ela já deveria estar perto do hospital. Levou a chave consigo e abriu a porta, dando de cara um com garoto que deveria ter dezesseis anos de idade. Duas caixas de pizza em suas mãos. Amber lhe ofereceu um sorriso, o pedindo para entrar e para colocar ambas em cima da mesa. A loira pegou sua bolsa e retirou 25 dólares de sua carteira, dando para o menino.

-Desculpe não lhe dar mais gorjeta. Eu não deveria nem estar aqui para falar a verdade, acho que você acabou dando sorte.

"-Você não está invadindo a casa, não é? Não quero ser cúmplice de nada disso."

Uma risada brotou em seus lábios e ela negou com a cabeça enquanto colocava as receitas dentro da carteira e a mesma dentro da bolsa, apontando para a porta. Os dois se dirigiram a ela e Amber voltou a falar para o mais novo.

-Não. Gente doente vai na casa do médico pegar receita. Ela acabou precisando voltar para o hospital.

E com isso, fechou a porta e colocou a chave em sua bolsa, fazendo uma nota mental para deixar a mesma no hospital depois de sua prova amanhã. Amber poderia ter olhado tudo o que tinha naquela casa, mas aquilo não interessava muito para ela. Amber se colocou a caminhar de volta para a faculdade, onde já compraria suas ervas e voltaria ao seu trabalho.

ENCERRADO.


and you are oh, darling, so beautiful



we are shapped by our thoughts and then, we become what we think
be kind to all creatures, that's the religion
avatar
Amber M. Loveridge
underdogs (u)

underdogs (u)

Mensagens : 122
Data de inscrição : 08/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECH] Shoot to Kill

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum