[RP] On Wednesdays We Wear Pink

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Calliope Aisha El-Hashem em Sab Jul 02, 2016 9:14 pm

Shopping


NOME DA RP: On Wednesdays We Wear Pink;
PARTICIPANTES: Sage L. Hathaway e Calliope Aisha El-Hashem;
LOCAL: Shopping;
STATUS: Encerrada;
INTERAÇÃO: RP Fechada para outros usuários.



i call the shots, darling
avatar
Calliope Aisha El-Hashem
lacrosse (u)

lacrosse (u)

Mensagens : 155
Data de inscrição : 22/06/2016
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Sage L. Hathaway em Sab Jul 02, 2016 9:43 pm

It drowned in the tide
Era o sexto dia consecutivo em que eu me confinava em meu quarto e não tinha pretensões de sair. Depois da festa e dos assassinados, havia decidido que era melhor viver com meu pai, então havia deixado o alojamento e passado a morar com ele em sua nova casa. E eu estava um lixo. Depois do velório de Neal, depois do dia em que o corpo do meu melhor amigo foi descoberto boiando dentro do lago, eu não era mais mesma. Meu maior pesadelo era perder as pessoas próximas e uma das pessoas que eu mais amava no mundo havia acabado de perder a vida. Havia me abandonado. Toda vez que tentava pensar nisso, meus olhos se enchiam de água e eu voltava a chorar. Nem mesmo Gossip Girl conseguia tirar a sofrência.

Eu estava debaixo das cobertas e meu pai já havia batido três vezes na porta para me trazer comida. Ele ficava indo e vindo da delegacia para ter certeza de que estava tudo bem e eu simplesmente odiava fazer isso com ele. Eu sabia que ele estava preocupado, principalmente por poder pensar na possibilidade da sua filha entrar em depressão, assim como havia acontecido com a mãe dela. Hannah era uma mulher cheia de vida e a gravidez junto da depressão acabou por matá-la. Desde então, eu sabia que o maior medo do meu pai seria de perder-me também, e ao mesmo tempo em que ele não queria que eu saísse de casa, não queria repetir o mesmo destino que havia tido minha mãe.

Só que eu não estava em depressão, eu pelo menos esperava que não. Eu havia pesquisado no Google algumas vezes sobre quais eram os sintomas da doença e o que poderia ser feito para evitá-la, e ficar dentro do quarto, trancada no escuro, não estava em nenhuma das indicações para solucionar os problemas. O único detalhe era que eu não sentia vontade de sair. Tudo o que eu queria fazer era ficar em minha cama e chorar mais um pouco. Eu não conseguia aceitar que ele realmente havia partido e nunca voltaria.

Eu estava tão mergulhada em minhas lágrimas que quase não senti o celular vibrar. Desbloqueei a tela encontrando uma mensagem de Calliope e soltei um suspiro completamente aliviado. Desde a mensagem que eu havia recebido na festa, eu estava apavorada com meu telefone. Anastasia havia desaparecido e eu tinha medo de que o próximo corpo encontrado fosse o dela. O lado bom naquela história toda, era que a mensagem não era de um assassino e sim de uma amiga preocupada. Calliope não tinha saído muito de casa desde a morte de Brandon, e era a primeira vez que ouvia dela desde aquele dia. Acho que aquela era uma notícia boa.

Amiga, está em casa? Eu não aguento mais ficar em depressão. Quer fazer compras?

Eu queria responder que não, mas pensei por um momento se talvez eu sair para fazer compras não fosse ser bom em um quesito múltiplo: Calliope precisava se distrair, meu pai ficaria feliz em me ver escapulir do meu quarto por um segundo e eu realmente poderia ver a luz do dia. Mesmo sem vontade, eu sabia que seria melhor e por isso me forcei a ficar de pé e enxugar as lágrimas em meu rosto com as costas das mãos. Antes que pudesse me arrepender, escrevi:

Pode ser. Vou tomar um banho e me arrumar. Me pegue na casa do meu pai em 30 min.

[...]

Eu já estava pronta e havia resolvido me jogar em cima do colchão para assistir um pouco de televisão. Eu não devo ter escutado as buzinadas, porque antes que eu pudesse me dar conta, uma pessoa apareceu em minha janela com os cabelos bagunçados e uma expressão irritada no rosto. Arregalei os olhos pelo susto, mas acabei gargalhando por fim - a primeira risada sincera que dei em muito tempo. Corri até o parapeito da janela para ajudar minha amiga a entrar no quarto.

-Você é maluca! Subiu pela árvore?! -Dei risada, puxando-a finalmente para dentro. Balancei a cabeça negativamente. -Eu teria atendido a campainha, sabia? E você poderia ter caído!

Wake me slowly Or watch me fall;


You messed with the wrong blondie, motherfucker
OH YEAH? GAME ON, BITCH


avatar
Sage L. Hathaway
volei (u)

volei (u)

Mensagens : 48
Data de inscrição : 26/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Calliope Aisha El-Hashem em Sab Jul 02, 2016 10:22 pm

i need us


-O que está acontecendo com você hoje, Calliope?

Retirei o capacete de minha cabeça e dei um longo suspiro. Meus olhos se fecharam em concentração para que as lágrimas não caíssem de meu rosto e eu apenas neguei levemente, abrindo um sorriso. Dispersei o garoto com a mão. Eu não queria falar sobre nada. Eu não queria falar sobre os acontecimentos. A minha vida tinha sido uma série de repetições automáticas desde o dia da festa no lago: Quarto, aula, quarto, treino, quarto. Porém, Lacrosse é um esporte completamente físico e eu não podia treinar no automático.

-Eu estou bem, James. Sério. -Abri os olhos, mantendo o sorriso no rosto e olhei para o resto dos meninos ali presentes. A respiração deles estava pesada, mas o olhar de preocupação não deixava suas faces. -Vamos, chega de treino por hoje. Levem essas bundas moles para o chuveiro.

Os garotos saíram lentamente da quadra, e eu apoiei o taco no chão, jogando meu peso sobre ele. Meu olhos olharam para o gol e a única coisa que eu conseguia ver ali era Neal levando boladas, sem saber muito bem como utilizar os próprios membros. Meus olhos ficaram turvos com lágrimas e eu saí do campo direto para o vestiário. Abri o armário de lata e peguei a muda de roupas que tinha ali. Eu não podia mais ficar nesse estado. Segurei na porta e, antes de fechá-la, vi a foto com meu amigo loiro ali. Ele dando uma risada e eu lambendo sua bochecha. Mais lágrimas.

***

Assim que vi a mensagem de Sage, o alívio tomou conta de mim. Terminei de passar o batom em meus lábios e, com a bolsa em meu ombro, caminhei até o meu carro, dando tchau para as devidas pessoas que passavam por mim. Dessa vez, o caminho não foi automático, já que eu não sabia onde a casa do Xerife James ficava e precisava prestar atenção.

Uma vez na modesta casa, puxei o freio de mão e buzinei três vezes para que ela pudesse sair de casa. Peguei meu celular e, olhando na foto mais recente que eu tinha postado, vi mensagens de amigos e parentes, ambos meus e de Brandon. Eu sabia que Sage também não estava bem. Nenhuma de nós estava, mas eu precisava de alguém ao meu lado, e não queria ninguém que não fosse Sage. Ela estava lá comigo quando tudo aconteceu, ela sabia o terror que tinha sido. Ela e eu tínhamos perdido nossos melhores amigos dois dias seguidos, e aquilo era uma coisa que ninguém podia entender.

Depois de quinze minutos e nada de Sage aparecer na porta, desliguei o carro e andei até a sua porta. Eu apertei o botão da campainha três vezes, e a garota ainda sim não atendeu a porta. Ela não ia me deixar na mão. Bati o pé no chão e fui até a parte de grama de seu jardim. Na janela do segundo andar, ao lado da árvore, tinha um quarto com barulhos estranhos vindos deles. Ela com certeza não escutaria os meus gritos.

-Ahá!

Andei até a árvore torta da garota e olhei para cima, logo em seguida olhando para os meus sapatos. Essa garota vai me dever uma. Segurei no galho mais perto de mim e me puxei para cima. Meus pés se apoiaram no galho mais baixo, e grunhidos saíam da minha boca pelo esforço que eu precisava fazer. Louboutins não eram os melhores sapatos para escalada. Anotado. Escalei até a janela de Sage, com muito cuidado para não quebrar nenhuma unha, nem o meu sapato. Olhei para a janela e joguei minhas mãos até ela, usando o fim do galho como apoio até que, finalmente a princesa decidiu me ajudar.

-Não ria de mim! A culpa é toda sua! -Minha própria voz vinha com uma risada junto, e eu deixei que ela me ajudasse para dentro de seu quarto. -Meus louboutins não estão felizes com você e, pelo amor de deus, estava vendo um pornô para não ouvir a buzina e a campainha?

Quando finalmente estava de pé, arrumei meu vestido e dei um tapa em seu ombro, logo a puxando para um tão necessitado abraço. Um suspiro saiu de minha boca e eu... me sentia bem ao seu lado.

-Agora vamos, estamos atrasadas para fazer compras. E vamos sair pela porta, por favor. -No caminho para a porta olhei para o meu cabelo em um dos espelhos que tinha na sua casa. Um grito rápido e assustado saiu de minha boca, e eu parei na mesma hora. -Ia me deixar sair assim?!

Passei as mãos pelos fios negros, os colocando de volta no lugar e olhei feio para Sage mais uma vez. Saímos de casa e entramos direto no carro, mas, antes que eu pudesse ligá-lo para sairmos, puxei a garota em minha direção enquanto abria o app do Instagram, e apontei a câmera para nós, tirando uma foto. Depois de postá-la, finalmente fomos em direção ao shopping.


SAGE x VESTINDO x LOVE


layla ♣


i call the shots, darling
avatar
Calliope Aisha El-Hashem
lacrosse (u)

lacrosse (u)

Mensagens : 155
Data de inscrição : 22/06/2016
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Sage L. Hathaway em Sab Jul 02, 2016 10:45 pm

It drowned in the tide
Eu não conseguia parar de rir com a imagem - mesmo que imaginativa - de Calliope escalando uma árvore de vestido e salto-alto. Ela deve ter feito meus vizinhos bem felizes e se tivesse me chamado para assistir a cena, eu teria rido ainda mais. Ela conseguia ser maluca às vezes e era exatamente isso o que eu gostava nela: ela, ao contrário de mim, era de se arriscar e fazer doideiras. Eu daria tudo para ser pelo menos um pouco como minha amiga morena.

-Não sabia que tínhamos horário marcado para fazer compras. -Falei com uma caretinha, gargalhando novamente quando ouvi o seu comentário sobre os seus cabelos. Na minha opinião Calliope ficaria linda até de cabelos roxos e topete, logo seus fios bagunçados não estavam me incomodando nem um pouco. Fiquei feliz por ela não ter notado meu quarto decorado - quase como para uma criança - e assenti, pegando minha bolsa quando ela me puxou, basicamente me arrancando do meu quarto. Acho que eu precisava daquilo. Cheguei a estranhar a casa de tanto tempo que havia passado em um só cômodo.

-Pai! Estamos indo para o shopping, não vou demorar! -Anunciei me certificando de que ele havia escutado e então segui Calliope até seu carro, pulando para dentro do conversível e beijando seu rosto para a foto que ela havia tirado. Eu estava me distraindo e não pensando em Neal por um tempo, o que era bom. Eu não estava muito afim de sair de casa antes, mas agora estava feliz que a menina havia me convidado. Pelo menos assim eu poderia tentar tirar a cabeça da minha noite horrível.

[...]

Eu nunca havia visitado o shopping de Burkitsville, mas ele era extremamente bonito! Quase todo aberto, com apenas um andar e milhões de loja, parecia um enorme centro comercial à moda antiga. Calliope e eu caminhávamos conforme a menina ia me mostrando suas lojas preferidas e falava alguma coisa sobre usar rosa. Eu tinha uma ou outra peças de roupas rosas, mas não era a minha cor preferida, para ser sincera. E esse fato parecia ser o maior pecado capital para minha amiga de cabelos negros.

-Ai meu Deus! Eu amo essa loja! -Exclamei quando passamos na frente da Animale, dona de quase todas as roupas em meu armário. Olhei para a minha amiga com os olhos brilhando e já esperando uma bronca do meu pai quando a fatura do cartão chegasse. Eu precisava de compras para me distrair um pouco. -Lá no Texas, eu e minhas amigas costumávamos entrar e fazer os conjuntos mais bregas que conseguíamos para depois tirar fotos. Era incrivelmente divertido! -Exclamei, sequer ligando se aquele tipo de diversão era infantil demais para Calliope ou não. Abri um sorriso larguíssimo, sentindo a animação tomar conta de mim.

-Vamos?! Depois de umas boas risadas podemos comprar de verdade! -Exclamei, puxando a morena pela mão e soltando uma gargalhada, entrando na loja e correndo em direção às araras. Eu sabia que Calliope era competitiva, então para fechar com chave de ouro, olhei para ela e pisquei. -Que o pior look vença. Game on.

Wake me slowly Or watch me fall;


You messed with the wrong blondie, motherfucker
OH YEAH? GAME ON, BITCH


avatar
Sage L. Hathaway
volei (u)

volei (u)

Mensagens : 48
Data de inscrição : 26/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Calliope Aisha El-Hashem em Sab Jul 02, 2016 11:25 pm

i need us


Assim que chegamos ao shopping, mostrei para Keith as lojas que eu mais gostava. Nossos saltos batiam contra o chão, chamando a atenção das pessoas em nossa volta junto com a nossa alta risada. Assim que entramos na loja, minha amiga começou a falar. A ideia que Sage tinha me falado me trouxe um olhar de lado e com nojo para a loira. Minhas sobrancelhas se estreitaram e eu fiquei a observando com aquela face por um bom momento. A ideia de juntar roupas para fazê-las ficarem feias soava bestial e completamente fora da minha esfera.

-Querida, você sabe que eu presto moda, não é? -Keith ser do Texas já era algo que eu não entendia. Um estado que usava botas de cowboy diariamente parecia surreal para mim. Sage pulava de um lado para o outro, enquanto eu observava a menina. A ideia daquilo também parecia surreal, até que ouvi sua voz desafiadora. Uma sobrancelha se ergueu em meu rosto, e eu levantei o óculos, os colocando em minha cabeça. -Ok, você acabou de desafiar uma garota que sabe o que é uma roupa que não combina.

Joguei a menina levemente para o lado e saí correndo para o outro lado da loja. Meus olhos eram rápidos em olhar para as araras, e minhas mãos passavam levemente por cima das roupas. Peguei uma blusa rosa bebê e olhei para ela por um tempo. Não. Eu usaria isso. Coloquei a peça de volta e continuei com a minha procura. Uma calça culotte chamou minha atenção e eu soltei uma gargalhada com a peça de roupa. A moça da loja parou ao meu lado, olhando para meu vestido e para a calça e sapatos em minhas mãos. Dei de ombros lhe abrindo um sorriso.

-Festa do brega. -Tudo bem, eu não usaria nenhuma daquelas roupas minha vida inteira. As calças faziam você parecer ter 40 quilos a mais e aquela blusa... Parecia uma bandeira que tinha virado um pano de chão que em seguida fizeram uma blusa. Meus olhos se espicharam para tentar ver o que Sage tinha nas mãos, mas a garota logo escondeu, me mostrando a língua. Soltei uma risada e olhei para a moça mais uma vez. -Onde estão seus blazers?

A moça me levou até a devida arara e eu bati o olho no blazer mais horrível que eu já tinha visto em minha vida. Céus, o que Coco Channel diria se me visse aqui agora? Neguei com a cabeça e peguei a peça de roupa, correndo para o vestiário, passando por Sage.

-A última a chegar é a mulher do padre!

Eu estava bem por um minuto. O sorriso em meu rosto era verdadeiro, e faziam anos que eu não me sentia tão confortável perto de alguém como eu me sentia com Sage. Corri para o vestiário dividido e fechei a cortina no meio deles, também trancando a porta. Tirei o vestido do meu corpo e também os sapatos, logo vestindo a ROUPA que eu tinha escolhido. Coloquei as mãos na cortina e soltei uma risada.

-Vamos! Abrimos a cortina no três! -Esperei para que Sage falasse que estava pronta e comecei a contar. -Ok! Um! Dois! Três!


SAGE x VESTINDO x LOVE


layla ♣


i call the shots, darling
avatar
Calliope Aisha El-Hashem
lacrosse (u)

lacrosse (u)

Mensagens : 155
Data de inscrição : 22/06/2016
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Sage L. Hathaway em Sab Jul 02, 2016 11:38 pm

It drowned in the tide
Por um momento pensei que Calliope fosse me deixar na mão, mas eu sabia como lidar com ela. A menina me olhou em tom desafiador e então disparou em direção às araras de roupa, tentando encontrar as piores peças possíveis. O problema era que encontrar roupas feias na Animale era quase uma missão impossível, mas se conseguíssemos combinar as peças certas, talvez criássemos os looks mais hediondos do mundo, e eu era mestra nisso. Peguei uma blusinha vermelha de babado que realmente não fazia o meu tipo e olhei na prateleira de roupas para parte de baixo do corpo, tentando encontrar alguma que não combinassem. Quando vi a saia, meus olhos brilharam.

Procurei por um casaco qualquer e sorri quando a atendente veio ao meu lado, se preocupando se tudo estava bem. Abri um sorriso para a moça, tirando um casaco do cabide e o segurando junto com as outras peças selecionadas. Ergui uma sobrancelha, observando as roupas em minhas mãos.

-Você tem algum sapato amarelo? -Perguntei conforme a moça me levava para a seção de sapatos e me mostrava um lindo salto agulha de verão em cor amarela. Balancei a cabeça negativamente. -Não, esse está muito bonito. -Ela me olhou em confusão. -Preciso de uma peça mais... agressiva.

A mulher sorriu e então me levou para a seção de coleções passadas, apontando para uma bota amarela. Soltei uma risada gostosa e então corri, agarrando os calçados antes que Calliope os visse e encarei minha amiga quando nos encontramos no provador. Ela contou até três e como carros de corrida disparamos. Eu apenas queria ver o resultado que minha amiga teria. O meu LOOK prometia ser o campeão.

-Um, dois, três! -Contei com ela, abrindo a cortina de forma sincrônica e então soltando uma alta gargalhada com a imagem. Calliope parecia um palhaço vestido em roupas largas e seu sapato... -O que é esse sapato?! -Gargalhei, olhando para a vendedora do local. A mulher abriu um sorriso confuso. -Vocês sinceramente vendem essas coisas?

Antes que Calliope pudesse notar, tirei meu celular do bolso e então bati uma foto dela, soltando uma gargalhada. Eu sei que ela iria me matar se aquela foto vazasse por ela fazer moda, mas eu não ligava. Puxei minha amiga para perto, revirando os olhos antes que fosse atacada por ela.

-Cala a boca, Calls! Vem, vamos tirar fotos!

Exclamei, parando na frente do espelho com ela e posando das formas mais ridículas que consegui. Entreguei o celular para a moça da loja e pedi para ela também tirar fotos, o que ela fez, ainda parecendo bem confusa. Ri mais uma vez, balançando a cabeça em negação.

-Não se preocupe. Nós realmente pretendemos comprar aqui... Não essas roupas.

Dei de ombros, pegando meu celular de volta e gargalhando ao ver as fotos. Elas com certeza iriam para o meu Instagram.

Wake me slowly Or watch me fall;


You messed with the wrong blondie, motherfucker
OH YEAH? GAME ON, BITCH


avatar
Sage L. Hathaway
volei (u)

volei (u)

Mensagens : 48
Data de inscrição : 26/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Calliope Aisha El-Hashem em Dom Jul 03, 2016 2:07 am

i need us


A cena que eu vi em minha frente fez meus olhos doerem de tão feia que era. Minhas mãos foram a boca e eu dei uma gargalhada que não pude evitar. Olhei mais uma vez para minha amiga, apenas para rir ainda mais. Eu não conseguia distinguir quem estava mais ridícula: Eu, vestida de palhaço ou Sage que parecia uma criança que queria muito entrar em algum grupo social. Minha mão foi a minha barriga, que doía de tanto rir, a outra ainda cobrindo meu rosto. Antes que eu pudesse falar qualquer coisa sobre fotos, Sage tirou uma minha, e eu só faltei pular no pescoço da garota.

-Nem pense nisso, Sage! Você vai acabar com minha moral no curso! -Minha amiga puxou o braço enquanto eu tentava alcançá-la, mas eu sabia que não tinha conversa com ela, e que sim, ela ia postar aquelas fotos no Instagram. -Bom, com certeza o máximo que vai acontecer é você ganhar mais seguidores.

Dei uma risada e deixei que ela me puxasse para perto enquanto entregava o celular para a moça. Nós fazíamos caretas e poses engraçadas. A morena tirou algumas fotos e depois lhe entregou o celular. Minhas bochechas doíam com as risadas, e pela primeira vez em semanas eu me sentia melhor comigo mesma e com o mundo. Eu já sabia que Sage ia postar todas as fotos zoadas que tiramos, e eu não podia fazer nada com isso.

No final de toda aquela loucura, eu tinha comprado um vestido e duas blusas para mim, e Sage tinha comprado algumas coisinhas para ela. Passei meu braço pelo seu e saímos da loja, voltando a andar em uma direção qualquer no shopping.

-Quero um milkshake. -Comentei puxando a garota para a área de alimentação. -Mas me diga, como estão as coisas vivendo na casa do seu pai de novo? Olha, eu amo os meus, mas não sei se conseguiria nunca morar com eles de novo.

Paramos na fila do caixa e eu fiz o meu pedido: um milkshake de ovomaltine. Paguei a moça simpática que estava ali esperei que Sage fizesse o pedido dela para então continuarmos a conversa.

-Até porque meu pai ainda tem uns pensamentos completamente conservadores, que não batem nada com os meus.

Dei de ombros pegando o meu pedido e já dando um gole na doce bebida. Eu realmente não sabia como Sage lidava com tanta coisa junto, especialmente morar com seu pai que era o xerife da cidade. A verdade, era que as vezes no fim da noite eu sentia falta da minha melhor amiga para relaxar e assistir qualquer besteira até pegarmos no sono.


SAGE x VESTINDO x LOVE


layla ♣


i call the shots, darling
avatar
Calliope Aisha El-Hashem
lacrosse (u)

lacrosse (u)

Mensagens : 155
Data de inscrição : 22/06/2016
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Sage L. Hathaway em Dom Jul 03, 2016 2:20 am

It drowned in the tide
Comprei algumas peças que gostei no final da conta e passei o cartão do meu pai sem me preocupar muito. Geralmente ele era chato com gastos, mas aquela era uma ocasião especial e eu tinha certeza que ele iria entender. A atendente que antes estava confusa com nossas roupas agora parecia feliz com a comissão e isso foi suficiente para que Calliope e eu saíssemos da loja, de volta em nossas roupas normais, e com novas sacolas nas mãos, abrindo um sorriso conforme a menina dava a melhor ideia do dia: Um milkshake.

Corremos até o Dairy Queen e pedimos pelo famoso Milkshake que - de tanto sorvete - ficava parado dentro do copo caso o virássemos de ponta cabeça. As bebidas geladas dali eram as melhores e mesmo no Texas era a sorveteria que eu mais frequentava. Todos os meus bolos de aniversário eram de sorvete e encomendados daquele local. Abri um sorriso para minha amiga, puxando ela comigo para me sentar em um banco gostoso, perto a um pequeno jardim.

-As coisas estão indo bem, eu acho. Não saí muito do meu quarto desde... Hm... A festa. E acho que meu pai está um pouco preocupado comigo, mas tudo vai bem. -Dei de ombros diante do comentário da minha amiga. Tomei um gole do meu milkshake de flocos e fechei os olhos quase tendo um orgasmo com o sabor em meu paladar. Eu poderia tomar trinta daqueles e ainda querer mais. -Eu nunca morei sozinha, então sei lá. Morei uma semana, digo, e eu meio que desisti por causa do... Você sabe. Enfim, eu gosto de morar com ele. Teve apenas um ano que morei fora e foi na casa dos meus tios, então não sei se conta.

E era verdade. Eu sabia que o que Calliope dizia era mais do que verdade, mas acontece que muita coisa que meu pai pensava, eu pensava igual. Ele não era conservador. Ele era bem mente aberta, na verdade, mas ele era extremamente protetor e ciumento, coisa que eu era igualmente, senão mais. Eu tentava, no geral, ser uma boa filha, mas nunca permiti que uma terceira pessoa se aproximasse dele. Éramos ele e eu, e apenas. Ninguém mais.

-Ele não é tão ruim assim, Calls. -Dei de ombros, dando um novo gole na bebida. -Ele na verdade é bem avançado para a idade e é uma ótima companhia. Ele pode ser um pouco protetor, mas quem sou eu para falar? Tal pai, tal filha. -Soltei uma risadinha, revirando os olhos. Voltei a encarar a morena, a olhando cuidadosamente. -Desde que minha mãe morreu eu venho tentando não deixá-lo sozinho, sabe? Sempre fomos só nós dois e parte de mim tem medo de deixar ele pra trás. Sei lá... -Dei de ombros, soltando um leve suspiro. -Mas e você? Seus pais são árabes, não é mesmo? Ou árabe e outra coisa, eu não me lembro bem, mas lembro que você comentou. Você não sente falta de casa? Digo, do seu país? Er... Isso soou xenofóbico? Juro que não foi minha intensão!

Wake me slowly Or watch me fall;


You messed with the wrong blondie, motherfucker
OH YEAH? GAME ON, BITCH


avatar
Sage L. Hathaway
volei (u)

volei (u)

Mensagens : 48
Data de inscrição : 26/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Calliope Aisha El-Hashem em Dom Jul 03, 2016 4:55 pm

i need us


-Eu entendo, poucos pais deixariam a filha de 16 anos ir para a faculdade direto.

No minuto que Sage começou a falar de seu pai, eu me dei um tapa na testa mental. Eu não queria que ela pensasse mais naquele dia, naquela festa nem nada do tipo, porque eu mesma não queria pensar naquilo. Apenas assenti para o que a loira estava falando, e, graças aos deuses novos e velhos, ela logo trocou de assunto. Um largo sorriso se abriu em meu rosto quando ela perguntou de minha família, e eu não pude deixar de responder o mais rápido que eu podia.

-Isso não foi xenofóbico, você é inteligente o suficiente para saber isso. -Tirei os olhos da minha amiga e olhei para minha bebida, brincando com o canudo que tinha nela. -Meu pai é Árabe, minha mãe é francesa, acho que já te contei isso. Em todo caso, eu sinto falta deles, muita inclusive. Mas eu não sinto falta de morar com eles nem nada do tipo. -Dei um gole em minha bebida, ainda pensando o que eu tinha a dizer para ela sobre meus pais. -Meu pai... bem, hoje em dia ele está bem melhor por causa da minha mãe, sabe? Mas ele ainda assim tem um pensamento muito conservador. E eu não posso culpá-lo, olha de onde ele vem. Mas aos poucos, ele tem prestado atenção no que nós falamos. Não deve ser fácil ter sua esposa e três filhas lhe colocando contra a parede.

Coloquei o canudo novamente em minha boca e peguei o celular dentro da minha bolsa, o destravando e abrindo o álbum de fotos que eu tinha da minha família ali, e o entreguei para Sage. Ela tinha que conhecer Keith, e também meus pais, eu tinha certeza que eles iam amá-la. Quando ela começou a passar as fotos, a saudade bateu em mim e eu abri um leve sorriso.

-Eles ainda moram em Loa Angeles, mas vem me visitar quando podem. Minha mãe é uma mulher muito humilde e simples, que teve que se adaptar ao estilo de vida do meu pai. E meu pai... Bem... Mesmo com tudo ele é uma ótima companhia para viajar. Ele sabe de muita coisa, e adora ensinar também.

Peguei o celular quando a loira me entregou e o guardei mais uma vez. Um garoto da faculdade passou por nós olhando para Sage, e eu não pude deixar de abrir um sorriso e empurrar levemente minha amiga.

-Meu deus do céu, amiga, engole esse milkshake que você secou 40 quilos agora. -Coloquei a mão em sua bochecha e fingi uma cara de choro, fungando o nariz e cobrindo a boca com a outra mão. -Elas crescem tão rápido.

Dei uma risada de sua reação e me levantei, pegando minhas sacolas e olhando para a loira, esperando que ela fizesse o mesmo. Assim que o fez, passei meu braço pelo seu e voltamos a andar, olhando as vitrines das lojas. Sage me fazia falta por estar longe da faculdade, mas eu sabia que qualquer coisa eu podia sempre chamá-la. Apontei para alguns vestidos na Top Shop enquanto andávamos e conversávamos sobre um assunto qualquer. É, era bom ter minha amiga ao meu lado de volta.


SAGE x VESTINDO x LOVE


layla ♣


i call the shots, darling
avatar
Calliope Aisha El-Hashem
lacrosse (u)

lacrosse (u)

Mensagens : 155
Data de inscrição : 22/06/2016
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Sage L. Hathaway em Dom Jul 03, 2016 5:37 pm

It drowned in the tide
Calliope começou a contar um pouco da sua família e eu, como estava interessada, passei a ouvir. O brilho no olho da menina conforme ela contava sobre seus pais e irmãs e inegável: ela os amava mais do que tudo e sentia suas faltas. Eu não tinha uma família grande e minha única família estava perto de mim, mas eu podia imaginar a dor que deveria ser não poder ver seus pais e irmãs sempre que quisesse. Eu sabia que Charlotte, uma das irmãs de Calls, morava em Burkitsville, mas aparentemente só. Peguei o celular das suas mãos, olhando para as fotos que ela me mostrava.

-Uau, sua família é linda! -Exclamei, e eram mesmo. As três filhas eram maravilhosas, assim como o pai e a mãe. Calliope e Charlotte haviam puxado o pai e Keith, a mais velha, havia claramente puxado a mãe. Todos tão bonitos que chegava a dar inveja. -Às vezes eu queria uma família grande assim. -Sorri, devolvendo o celular para ela. -Deve ser legal ter vários irmãos.

Eu ia ter um, mas ele morreu com a minha mãe. Eu tive 11 anos da minha vida para superar isso, então não me entristecia mais, mas eu ainda desejava que eles tivessem sobrevivido ao acidente. Seria legal ter uma família com mais de dois integrantes, mesmo que eu não pudesse reclamar da minha. Meu pai fazia absolutamente tudo por mim.

Eu estava distraindo em meus pensamentos quando um garoto da faculdade passou e então Calliope começou a rir, fazendo piadas sobre uma provável encarada que eu havia levado. Eu não havia realmente notado, mas a reação da minha amiga foi tão boa que acabei caindo na risada com ela. Calliope não tinha jeito. Revirei os olhos dando um novo gole em minha bebida e então me coloquei de pé com ela. Dei de ombros.

-Eu quero dar uma volta de novo antes de ir pra casa.

Pedi, saindo com a morena novamente em direção ao mar de lojas.

ENCERRADO

Wake me slowly Or watch me fall;


You messed with the wrong blondie, motherfucker
OH YEAH? GAME ON, BITCH


avatar
Sage L. Hathaway
volei (u)

volei (u)

Mensagens : 48
Data de inscrição : 26/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] On Wednesdays We Wear Pink

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum